A Viuva de Sarepta

19-03-2020

8Então, lhe veio a palavra do Senhor, dizendo: 9Dispõe-te, e vai a Sarepta, que pertence a Sidom, e demora-te ali, onde ordenei a uma mulher viúva que te dê comida. 10Então, ele se levantou e se foi a Sarepta; chegando à porta da cidade, estava ali uma mulher viúva apanhando lenha; ele a chamou e lhe disse: Trazê-me, peço-te, uma vasilha de água para eu beber. 11Indo ela a buscá-la, ele a chamou e lhe disse: Trazê-me também um bocado de pão na tua mão. 12Porém ela respondeu: Tão certo como vive o Senhor, teu Deus, nada tenho cozido; há somente um punhado de farinha numa panela e um pouco de azeite numa botija; e, vês aqui, apanhei dois cavacos e vou preparar esse resto de comida para mim e para o meu filho; comê-lo-emos e morreremos. 13Elias lhe disse: Não temas; vai e faze o que disseste; mas primeiro faze dele para mim um bolo pequeno e traze-mo aqui fora; depois, farás para ti mesma e para teu filho. 14Porque assim diz o Senhor, Deus de Israel: A farinha da tua panela não se acabará, e o azeite da tua botija não faltará, até ao dia em que o Senhor fizer chover sobre a terra. 15Foi ela e fez segundo a palavra de Elias; assim, comeram ele, ela e a sua casa muitos dias. 16Da panela a farinha não se acabou, e da botija o azeite não faltou, segundo a palavra do Senhor, por intermédio de Elias.

Tantos ensinamento podemos ver neste texto, o primeiro que posso identificar é Obediência, o profeta não questiona a palavra de Deus, ele ouve e obedece, aprendo que profeta não discute a voz e a autoridade de Deus, porque ele conhece o seu Deus e ele sabe que "Aquele que prometeu é fiel para cumprir"

A viuva quando ela vê o profeta mesmo ela não sendo do mesmo povo que ele, ela identifica a autoridade de profeta que existe em nele, mesmo o Deus dele não sendo o dela, como ela mesmo fala no vers.12 "Tão certo como vive o Senhor, teu Deus," ela obedece porque ela reconhece a autoridade que existe no Deus de Elias.

Ela divide o pouco que ela tem com o profeta, porque ela sabe que "o Deus que prometeu é fiel para cumprir", e nós estamos com os olhos abertos para identificar o profeta, nossos ouvidos abertos para ouvir a voz de Deus, para ser a viuva de Sarepta desta geração? Estamos preparadas para dividir o pouco que temos com outras pessoas, sem questionar a Deus.

Quantas vezes Deus nos tem dito "Não temas" e nós temos olhado para a seca, para o vendaval, para as epidemias, para as crises financeiras e temos desviado nossos ouvidos e olhares e principalmente nosso coração de Deus.

´E tempo de pegar nossa farinha, nosso azeite e fazer o que Deus tem nos pedido, o primeiro pedaço de pão, sem duvidar que Ele é o nosso provedor, e que nada vai faltar até que volte a chover.

"Pai, tu eres o nosso provedor, o nosso consolador, em Ti podemos crer e esperar. Te pedidos Pai perdoe nossos pecados e apague de nós as nossos iniquidades, sará Senhor a nossa terra e derrama a Tua chuva de graça, paz e misericórdia sobre o teu povo. Que te Espirito consolador, socorro bem presente traga o conforto para teu povo, que a farinha da panela não se acabe e o azeite da botija não falte. Te pedidos em nome de Jesus, porque Teu é o reino, a glória para sempre, amém"

Érika Baldinger